Menu

Vereadores de Assis Brasil

Publicidade

terça-feira, 7 de novembro de 2017




CÂMARA DE ASSIS BRASIL REALIZA SUA 32ª SESSÃO ORDINÁRIA

1 - PAULO SALES - PP
Elogiou a Primeira Dama pelo trabalho que vem desenvolvendo na campanha novembro azul. Esteve no pronto socorro e viu muita gente com câncer de próstata, assim sendo é de fundamental importância o trabalho que a Primeira Dama vem fazendo. Outro ponto destacado por ele, foi a audiência pública realizada pela prefeitura, aonde pode tirar a limpo as coisas feitas por debaixo dos panos, agora sabe-se de onde vieram as dívidas então pode-se mobilizar para encontrar uma saída para o município. Com relação a limpeza do cemitério para o dia dos finados, parabenizou dizendo que foi muito bem feito e gostou porque os mortos também merecem respeito. Criticou com relação ao programa luz para todos pois aonde os moradores do ramal da Bacia correm risco de perder o programa por motivos de não terem ramal, nisto destacou que desde o início cobrou da prefeitura para melhorar o ramal e a ponte, mas nada foi feito, por isso, esse ano os moradores não vão ganhar luz por conta do descuido do Secretário que não teve planejamento. Dentre outras coisas enfatizou que seria necessário a troca de Secretário, bem como abordou que o Secretário de saúde não o saúda mais, por causa de suas críticas feitas na Tribuna.

1 – MANOEL MATIAS - PSD
Convidou os demais vereadores para irem na delegacia na Quinta-Feira, dia em que o Delegado estará no município, para ver a necessidade de pessoal efetivo dali, para então fazer ofício ao governador e a segurança pública solicitando este quantitativo de pessoal. Sobre a saúde, disse que lamentavelmente o secretário é assim: quem é amigo é amigo quem não é ele não se importa. Acrescentou que todos já receberam reclamações sobre a falta de medicamentos e mal atendimento na saúde. Finalizou relatando sobre seu requerimento, o qual solicita o valor da folha de pagamento mês a mês no período de Janeiro a Outubro de 2017, entrada e saída de medicamentos, dentre outras coisas.

1 – WENDEL GONÇALVES - PR
Parabenizou a prefeitura pela limpeza do cemitério, destacando que fez uma indicação solicitando a limpeza. Reclamou sobre a não realização dos exames de leishmaniose e malária, uma vez que a prefeitura tem a obrigação de oferecer esses serviços e não o faz, nisto relatou que os moradores da zona rural vêm e tem que se deslocar para Brasiléia para poder fazer os seus exames. Acrescentou que havia um laboratório aonde hoje funciona a secretaria da mulher, uma secretaria que não tem fundamento e poderia funcionar dentro da assistência social, para cortar gastos. Reclamou sobre a Audiência Pública, dizendo que era para ter sido feita quando foi apresentado o plano de transição. Dentre outras coisas questionou o fato de ter colocado a escola do km 02 em funcionamento se não tinha condições para manter, pois estão tirando do recurso próprio que poderia ser usado para as outras escolas. Finalizou demonstrando a indignação dos moradores da zona rural que ficaram sem ramal por falta de planejamento da prefeitura e das péssimas condições das ruas que quando chove ficam intrafegáveis.

2 – IVELINA MARQUES - PT
Relatou as coisas que se repetem em cada gestão, dizendo que há a possibilidade de voltar a ocorrer o que aconteceu em 2013. Citou a questão da educação com funcionários do quadro estão com salários atrasados, destacando que a previsão de pagamento é para o dia 10. Enfatizou que estão falando em greve e há uma tentativa da prefeitura de impedir que isso aconteça, porque pagaram um mês para os provisórios da zona urbana, pagaram os 40%, e os da zona rural não receberam. Continuando, expôs que em 2013 houve uma enxurrada de pessoas sendo contratadas, foi feito audiências, mas não teve o que se fazer e hoje a maioria das precatórias são resultado daquele monte de gente contratado sem planejamento. Nisto indicou que Assis Brasil deveria seguir o modelo que Brasileia seguiu para fazer as contratações, priorizando o necessário. Mudando de assunto falou sobre as marcas que cada prefeito deixou em sua gestão, citando o prefeito anterior que fez várias obras. Finalizou discorrendo sobre a falta de realização dos exames mínimos no município, onde explicou que isto só está acontecendo porque ninguém foi no Ministério Público ainda. Também fresou que se tivesse havido o controle e racionamento no início da gestão, hoje haveria como traçar um plano B, mas já não é mais possível.

3 – CLAUDIA GONÇALVES - PSD
Também parabenizou a prefeitura pela limpeza do cemitério, mas disse que recebeu reclamações sobre pessoal da educação que está sem receber, sendo que toda a carga está caindo para cima da ex secretária Alice, mas não é só culpa dela. Destacou que concorda que tem que cortar gastos e indicou que deve unir secretarias como por exemplo unir agricultura com obras, dentre outros, ao invés de cortar somente das escolas. Voltou a dizer que a Prefeitura está cheia de gente sem fazer nada, pessoas ganhando salário muito bom, sem fazer nada e quem está trabalhando não recebe. Mudando de assunto falou sobre laboratório que saiu e foi para o antigo posto Antônio Alves, o qual não era mais para pagar aluguel, onde aquele dinheiro seria para investir em outra coisa. Finalizou reafirmando que as ruas de Assis Brasil estão esquecidas.

 Na Ordem do Dia foi aprovado por unanimidade o REQUERIMENTO Nº 003/2017  de autoria do vereador MANOEL MATIAS DE SALES, o qual solicita da Mesa que seja requerido da Secretaria Municipal de Saúde:
·         O valor da folha de pagamento mês a mês no período de Janeiro a Outubro de 2017;
·         Cópia de todas as notas de aquisição de medicamentos;
·         Cópia do registro das entradas e saídas dos medicamentos na farmácia do município.







VÍDEOS INTERESSANTES

Câmara Municipal De Assis Brasil - Acre
Rua Raimundo Chaar, 372, Centro - CEP. 69935.000