Menu

Vereadores de Assis Brasil

Publicidade

quinta-feira, 4 de outubro de 2018

27ª SESSÃO NA CAMARA DE ASSIS BRASIL: PAUTAS EM AÇÃO!


1 MANOEL MATIAS DE SALES (PSD)
Comentou sobre uma indicação para construção de ponte no ramal do Iracema, mas já se passaram três meses e não foi atendida, sendo que os moradores já fizeram tudo que podiam mas não teve jeito. Acrescentou que o Estado e Prefeitura já prometeram, só que promessa não resolve. Então espera que o Prefeito faça algo. Dentre outras coisas, disse que já pediu e fez indicações sobre o Marco Rondon e limpeza, onde contou situação em que estava sentado no banquinho e grupo de turistas passou dizendo que era vergonhoso, também outro grupo disse que iria voltar e cobrar melhora da praça. Destacou que a Praça Rondon deveria ter um cuidado especial pelo Poder Público. Finalizou dizendo que a criação do Gabinete da Primeira Dama foi uma despesa desnecessária, pois hoje não está tendo nenhuma ação. Contou que passa em frente e vê gente sentada sem fazer nada, enquanto que a praça fica na situação em que está.


 2 ANTONIO CAMELO DE CASTRO (PP)
Concorda que a ponte mencionada por Manoel Matias, é de grande necessidade para aquela comunidade, pois é um ramal de muito movimento, mas destaca que a Prefeitura é responsável por essa atividade de prover ramais, no entanto sabe que a prefeitura não tem dinheiro para fazer. Nisto criticou que próximo da ponte estava um trator de esteira e o pessoal clamou para que o trator puxasse umas madeiras dali, mas não foi atendido. Acrescentou que tem certeza que os moradores ajudariam a fazer a ponte se o poder público se manifestasse. Alfinetou de novo que, é uma vergonha ter um trator lá e não ajudar a população. Dentre outras coisas falou sobre política, referindo-se ao período de campanha. Finalizou destacando que o município só vai melhorar se mudar o quadro e que Assis Brasil precisa de investimentos em saneamento entre outras coisas.

3 CLAUDIA GONÇALVES (PSD)
Expôs que as ladeiras do ramal do Iracema estão muito feias e os moradores realmente precisam de uma ponte, pois quando chove fica horrível. Disse que conversou com o Prefeito sobre a necessidade de um bate estaca, então prefeito entrou em contato com o Estado para ver se resolvia porque apenas o DERACRE tem esse equipamento. Sobrepôs que o trator da SEAPROF realmente estava na localidade, mas destacou que é muito larga e, é fundo. Outro assunto abordado, foi sobre a UBS Terezinha, não estar aceitando ultrassons de outra localidade do Perú, que não seja da clínica que fica próximo da tranca, sendo que há outra clínica próximo da ponte, pertencente ao Dr. Jhon. Nisto destacou que acha errado porque se não aceita de um, não tem que aceitar de nenhum. Acha uma injustiça porque daí, os pacientes precisam ir para o Antônio Alves e Gildo Ferreira que aceitam essas ultrassons. Mudando de assunto, contou que esteve no São Félix no final de semana e uma pessoa lhe relatou estar revoltada porque Marquinho da Seaprof, pegou seus documentos para kits de farinha, e kits nunca chegaram. Depois entregou trilhadeira, dizendo que foi seu deputado quem enviou e se ele não ganhar a eleição, a comunidade não terá mais benefício. Voltando a falar sobre as pontes, relatou sobre uma que se localiza próximo do senhor Antônio, que está acabada, aonde o Prefeito disse que empresa iria fazer as pontes, mas empresa não irá fazer, pois precisará de caçamba e Prefeitura só tem uma que está sendo usada para o lixo.

4 IVELINA ARAÚJO (PT)
Falou sobre visita que fez no ramal, assembleia da associação e sindicato da divisão, aonde conversou com responsável pela obra desse ramal, destacando que a maior reclamação dos moradores é a questão da abertura dos ramais primeiramente e depois fazer as saídas de água, aterros, etc. Nisto disse que foi feito reunião para colocar as necessidades dos moradores que são quem realmente quem sabe o que precisa ser feito. Acrescentou que tem trechos muito perigosos. Mudando de assunto falou sobre a situação de buraco na rua, aonde foi parada por morador que cobrou que fosse feito alguma coisa. Dentre outras coisas, falou sobre o Projeto da Educação destacando que com as mudanças o piso vai ficar um dos maiores do Estado, mas que vai pesar para os coordenadores pelo fato de funcionar do mesmo jeito do Estado e sendo assim tem alguns coordenadores que não irão aceitar. Acrescentou que alguns coordenadores trabalham demais e infelizmente outros principalmente na zona rural, não vão visitar escolas frequentemente. Outro assunto foi sobre os agentes de saúde da zona rural que na maioria das vezes não fazem as visitas e apenas repetem produção. Finalizou falando sobre a Escola do são félix que não tem banheiro, caixa d’ água não foi instalada, dentre outras coisas. Contou também que a Secretaria de Agricultura não está funcionando como deveria e que o próprio Secretário não cumpre horário.

5 WENDELL GONÇALVES (PR)
Endossou as palavras dos demais vereadores sobre as pontes, destacando que quando passa nas pontes, faz medo e tem horas que dá frio na barriga. Citou que na zona rural tem famílias que andam de moto, marido mulher e criança e é um grande perigo que correm. Falou também da limpeza das calçadas, aonde o povo o parou para cobrar tapa buraco na rua, explicitando um buraco que quando chove, a água vai no meio do pneu de moto alta. Dentre outras coisas pediu urgência para que conserte a ladeira do Cascata, enfatizando que por alí passam caminhões e com isso ela quebra mais a cada dia. Disse que ela é a ladeira mais antiga e cada dia que passa está pior, mesmo sendo no centro da cidade. Vê que é um descaso. Acrescentou que da forma como está se acontecer de quebrar um bueiro, não será possível de consertar. Nisto indicou que se prefeitura fechar a área dois dias e comprar tijolos, será possível fazer. Sobre o lixo, destacou que o caminhão está passando de dez em dez dias e é uma vergonha porque o lixo fica na beira da rua, os urubus sentam e os cachorros bagunçam. Finalizou falando que os moradores perguntam o que os Vereadores estão fazendo, com isso pronunciou que o poder do vereador é pouco e que em todas as sessões é cobrado alguma iniciativa do Executivo.


VÍDEOS INTERESSANTES

Câmara Municipal De Assis Brasil - Acre
Rua Raimundo Chaar, 372, Centro - CEP. 69935.000