Menu

Vereadores de Assis Brasil

Publicidade

quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

PROJETO DA EDUCAÇÃO FOI PRINCIPAL PAUTA NA 36ª SESSÃO ORDINÁRIA DA CAMARA DE ASSIS BRASIL



1 WENDELL GONÇALVES (PR)
Falou sobre última reunião que teve com os permanentes provisórios e prefeitura para tratar sobre o projeto da educação, aonde ele teve a oportunidade de participar, e foi um encontro em que fizeram os acordos devidos para que se colocasse no projeto e então encaminhar para a Casa para ser votado. Nisto parabenizou a professor Tania por ser integra e ter mantido boa postura frente a reunião. Acrescentou colocando sua opinião de que acha que a Prefeitura não vai conseguir manter os pagamentos em dia, pois a contrapartida é alta e todos sabem da situação em que se encontra, sendo que não há apenas a educação para manter. Apesar de tudo, sabe que o Oséias é um contador de excelência, no entanto sabe que as coisas vão ficar um tanto quanto apertadas, então espera que não haja problemas nem para os professores nem para a Casa que estará aprovando o projeto. Porém voltou a insistir que acredita que haverá atrasos nos salários futuramente.

2 ANTONIO CAMELO (PP)
Relembrou que quando foi aprovado o projeto que veio da prefeitura dando aumento para os provisórios e diminuindo o dos permanentes, ouviu que alguns disseram ter errado, mas ele próprio não errou e sim o contador e controle interno da Prefeitura que foram quem fizeram as mudanças no projeto. Naquela época não havia dinheiro para dar o aumento e hoje já tem, então não entende o que acontece. Dentre outras coisas, falou para os professores que se porventura o ano que vem haja atraso no salário deles, vai ser em consequência da aprovação desse projeto e a culpa não será dos Vereadores, mas sim de quem fez as discussões e negociações, ou seja a própria categoria, juntamente com a Prefeitura e sua equipe, uma vez que o Projeto já veio para casa tudo certo em concordância de todos apenas para os vereadores votarem. Finalizou contando que Chico Bessa está reclamando sobre a maromba ter mudado de dono, no que foi feito uma concordância verbal para essa mudança, então precisam cobrar do Prefeito a resolução das coisas que ele prometeu para o Chico, nisto indicou que a Mesa Diretora solicite por documento a resolução do caso.
3 MANOEL MATIAS (PSD)
Falou sobre sua indicação para poda das árvores na cidade, pois está ficando uma coisa absurda, exemplificou a rua da Simon que está quase fechando por conta do volume das árvores, assim como a praça Zeca Amorim. Dentre outras coisas disse que votou contra o projeto da educação na primeira votação porque estava consciente dizendo que pagava para ver como a questão não estava certa. Disse que os professores têm que ser valorizados e votará sempre com consciência novamente para o bem de todos. Reclamou sobre a saúde, ainda não ter encaminhado explicações a um requerimento que ele solicitou, então se Secretário não quer dar explicações para a Casa, vai ter que dar explicações para um órgão maior.  Finalizou destacando que em relação ao projeto de revogar lei que afasta servidor com ônus, seu voto será favorável com ressalva pois quando alguém quer fazer direito ou medicina, não tem no município e precisam realmente se afastar.




VÍDEOS INTERESSANTES

Câmara Municipal De Assis Brasil - Acre
Rua Raimundo Chaar, 372, Centro - CEP. 69935.000