Menu

Vereadores de Assis Brasil

Publicidade

quarta-feira, 5 de junho de 2019

14ª SESSÃO LEGISLATIVA DE ASSIS BRASIL. VEJA AS PAUTAS!



1 WENDELL GONÇALVES (PR)
Falou sobre reunião para criação do conselho da Cultura, aonde parabenizou o esforço da Alice pelo empenho frente a pasta, na ocasião da reunião o Conselho foi formalizado com o Patrick como presidente, sendo que o próximo passo é fazer um projeto e encaminhar a AMAC para poder fazer as festividades culturais na cidade de Assis Brasil. Mudando de assunto, discorreu sobre acordo feito para máquina entrar no ramal da Divisão mas infelizmente a máquina quebrou, já foi pedido a peça em Rio Branco em breve chegará, nisto pediu paciência do pessoal da Divisão, principalmente aos pais que estão ansiosos para seus filhos estudarem. Dentre outras coisas, fresou, que muitas emendas estão saindo para os municípios e Assis Brasil fica de escanteio. Comentou que o Governador visitou Brasileia e se comprometeu em arrumar 50 ramais, Epitaciolândia, Xapuri e Sena Madureira também e em Assis foi acertado apenas que será dado 30 mil litros de diesel e assistência técnica, mas infelizmente não tem máquinas então fica difícil. Finalizou, convidado os demais Vereadores para montar comissão e visitar DERACRE, secretaria de agricultura, ALEAC, governador, porque ficar esperando que o Prefeito resolva, não dá. Então tem que criar agenda e ir ao DERACRE, porque as vezes tem máquina disponível que a manutenção é pequena.

2 PAULO SALES (PP)
Destacou preocupação que teve com o vereador Antônio Marinho e que está feliz pelo regresso dele à tribuna da Casa, pois a saúde é a maior riqueza de um ser humano. Mudando de tema, fez colocação sobre momento que vivenciou em frente à escola Iris Célia, a tardezinha, quando os alunos estavam retornando para suas casas, e viu uma aglomeração de alunos entrando no ônibus, quase não cabendo todos dentro. Alguns alunos pediram socorro. Nisto solicitou mobilização do núcleo, sobre o transporte escolar, porque não pode acontecer de o microonibus sair lotado daquele jeito, é perigoso e tem que ser tomado medida de imediato. Com respeito aos trabalhos dos ramais, já foi colocado a questão das máquinas e é algo que preocupa muito, principalmente no núcleo da Divisão, que os alunos até hoje não conseguiram iniciar o ano letivo. Acrescentou que não foi para a reunião da Divisão porque se tivesse ido, iria atacar o Prefeito pois não pode acontecer todo ano a mesma coisa. Pediu que o povo analise de agora para a frente porque tem que colocar alguém que tenha responsabilidade. Prefeito tem que colocar secretário de obras que faça seu serviço. Finalizou falando sobre denúncia que fizeram sobre ele, e destacou acordo que tinha com o Prefeito que então seria seu chefe, para poder assumir a Vereança.

3 MANOEL MATIAS (PSD)
Discorreu sobre os ramais de Assis Brasil, destacando a precariedade de cada um. Depois relembrou que o Prefeito na época de campanha, havia falado para a população que constava no seu plano de governo que, da porteira para fora das propriedades seria responsabilidade do poder público, então produtor só teria que se preocupar com sua propriedade, mas infelizmente não está acontecendo assim. Mudando de assunto, falou em relação ao transporte escolar, referindo-se ao ônibus que vai até o Agua Morta, que o mesmo não está indo até o final por conta das condições do ramal, nisto avaliou que tem certeza que a patrol faria o serviço sem gastar muito. Precisa apenas que haja iniciativa do Executivo, porque enquanto isso as crianças têm que descer do ônibus e vão a pé para casa, pegando sol e chuva.

4 ANTONIO CAMELO (PP)
Agradeceu a compreensão dos vereadores durante sua ausência, destacando que está doente, passará por cirurgia e ficará bem. Contou que esteve na casa do Prefeito com Sec. De educação, aonde foi apresentado projeto que governo repassará 30 mil litros de óleo em recursos financeiros para realização de trabalhos nos ramais. Também foi anunciado pelo governo que existem máquinas disponíveis para Assis Brasil. Acrescentou que Prefeito está otimista e que irá fazer a ponte do Iracema e trabalhos dos ramais. Informou ainda que o Prefeito estará indo para Rio Branco e deve trazer boas notícias. Dentre outras coisas, contou que passou 5 dias internado na UPA em Rio Branco e que lá, o tratamento é diferente, o médico atende cerca de 120 pacientes, diferente de Assis que o médico só atende dezesseis pessoas. Elogiou o atendimento da UPA, destacando que esteve internado e não precisou comprar nenhum remédio, pois todos que precisou tinha na UPA.

5 ANTONIA CAVALCANTE (PC do B)
Disse que muitas pessoas usam redes sociais de má fé, já ela gosta de acompanhar os parlamentares e ontem viu o governador entregando um projeto de Lei na Câmara dos Deputados Estaduais, para anistiar as multas dos colonos, pelo IMAC. Isso é um ponto positivo da parte do Governo, porque muitos colonos hoje têm medo de ser preso, pagar multa quando estão trabalhando em suas terras. E com isso os colonos vão sim poder fazer seus roçados, aonde no Projeto consta quantas hectares vão poder desmatar. Acredita que Assembleia vai aprovar. Acredita que colono vai se sentir melhor, mais seguro em saber que não vai ter um batalhão de pessoas fiscalizando e prendendo enquanto ele está fazendo seus serviços na propriedade rural. Outra questão foi sobre a Deputada Federal, Perpétua Almeida que apresentou emenda à reforma da Presidência para garantir o décimo terceiro aos soldados da borracha. Sobre as problemáticas dos ramais em Assis Brasil, disse que tenta colocar a situação que o município está vivendo, mas as pessoas não querem saber. Em relação aos 150 mil reais equivalentes aos 30 mil litros de óleo, destacou que não vem para o município se não houver planilha de demandas e maquinários. Finalizou, destacando que as comissões da Casa estão deixando a desejar, pois era para ser votado o projeto de mototáxi para liberação de apenas 15 mil reais e não foi votado.

6 IVELINA MARQUES (PT)
Discorreu sobre o subsídio da borracha, no dia que foi apresentado o Projeto fez fotos e estudou, sendo que no projeto está constando que será pago o valor de até 1,40 no entanto seguindo essa grafia, qualquer valor que for pago abaixo de 1,40 estaria dentro da legalidade. Acrescentou que hoje a empresa, que compra a borracha está pagando o mesmo valor para a borracha FDL, nisto solicitou mudança no Projeto também para que seja substituído o trecho borracha FDL para borracha natural. Mudando de assunto, focando nas comissões, indicou que todas as vezes que forem apresentados projetos na sessão, seja tirado cópia dos mesmos para os membros das comissões para que não haja problemas posteriormente. Outra pauta, foi destacar que está fazendo requerimento, solicitando resposta em relação ao planejamento de quais ramais serão feitos. No demais, pediu que prefeito convide os Vereadores e repasse os convênios que foram firmados, para dar conhecimento aos Pares. Sobre reunião que vai ter da assembleia geral da Divisão, o Presidente disse que vai mandar convite para todos os Vereadores. Dentre outras coisas, informou que acontecerá eleição na Escola Sandoval e que Sexta-feira será realizado o arraial da escola Simon Bolívar. Finalizou externando sua preocupação com o prédio da Unopar em Assis Brasil, pois na reunião com a AGEAC, prefeito pediu prazo para ajeitar o prédio da Unopar para funcionar a rodoviária, no entanto, na gestão passada, o Betinho fez cessão do Prédio por 20 anos para a instituição, fato este que caracteriza uma preocupação porque a Universidade conta com mais de 100 alunos ativos.


VÍDEOS INTERESSANTES

Câmara Municipal De Assis Brasil - Acre
Rua Raimundo Chaar, 372, Centro - CEP. 69935.000